Este website usa cookies para melhorar a navegação dos nossos utilizadores. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Fechar ou Saber Mais
Temos 84 visitantes online, total de visitas: 720.076

"PELO DIREITO À SAÚDE NAS TERRAS DO INFANTE"

18-01-2018

"PELO DIREITO À SAÚDE NAS TERRAS DO INFANTE"

A secular e notável tradição hospitalar de Lagos remonta ao Século XV, pois que a primeira notícia sobre um Hospital em Lagos se reporta ao ano de 1412.

Desde então e até hoje, Lagos tem ininterruptamente disposto de instalações hospitalares, quer civis quer militares, desempenhando um papel indispensável às populações dos Concelhos de Lagos, Aljezur e Vila do Bispo.

No final do Século XV a Santa Casa da Misericórdia de Lagos já dispunha de Hospital, localizado na zona onde hoje se encontra, após ter beneficiado de sucessivas alterações e ampliações.

No entanto, esta localização é insatisfatória desde há muito tempo, servida por estreitos arruamentos medievais e sem possibilidade de ampliação por estar ligada à Muralha de Lagos, classificada de Monumento Nacional

Por outro lado, é imperiosa a necessidade de que o Hospital de Lagos adquira condições para proporcionar aos seus utentes, nacionais e estrangeiros, os níveis de qualidade de conforto e de atendimento exigíveis ao Serviço Nacional de Saúde.

É neste sentido que nos Concelhos de Lagos, Aljezur e Vila do Bispo, as populações, os autarcas e os trabalhadores do Hospital têm mantido uma persistente e justa luta, com manifestações públicas, tomadas de posição e deliberações, pugnando pela relocalização do Hospital em Lagos, em terrenos já garantidos pela Câmara Municipal e com as instalações, equipamentos e valências adequadas às reais necessidades das populações.

Como resultado, nos anos de 2008/2009, decorreu um processo que levou à aprovação pela Ministra da Saúde do projeto, estudo e concretização do novo Hospital para Lagos.

Sem qualquer evolução deste processo por parte do Governo, a Assembleia Municipal de Lagos deliberou, em 26 de junho de 2017, por unanimidade, exigir a inclusão do Hospital de Lagos no Orçamento de Estado para 2018, o que não se verificou.

Por tudo isto, a Assembleia Municipal de Lagos promove esta Petição Pública, subscrita pelas populações dos Concelhos de Lagos, Aljezur e Vila do Bispo, exigindo do Governo a construção do novo Hospital de Lagos.”

Assim, foi enviada às Câmaras Municipais das Terras do Infante (Lagos, Aljezur e Vila do Bispo) a referida Petição Pública com o intuito da maior divulgação da mesma, objetivando a sua assinatura, pelo que em breve será possível assinar a referida Petição em diversos locais públicos e privados dos Municípios que constituem as Terras do Infante.

A Petição Pública irá estar disponível para ser assinada até ao dia 29 de março de 2018.

No imediato a Petição Pública já está disponível para recolha de assinaturas na Sede da Assembleia Municipal de Lagos - Edifício dos Antigos Paços do Concelho – Praça Gil Eanes – Lagos, no sito da internet da Assembleia Municipal – www.am-lagos.com - e na plataforma da internetpeticaopublica.com – através do link - http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=PT88065